SEJA BEM VINDO(A) !

quarta-feira, 4 de julho de 2012

FORUM RESÍDUOS SÓLIDOS GUARUJÁ/BERTIOGA - DIRETRIZES DA LEI 12.305/2010


OS RESPONSÁVEIS PELO GOLPE DAS SACOLINHAS CONTRA OS CONSUMIDORES PAULISTAS

O TIME QUE MONTOU E APLICOU CONTRA OS CONSUMIDORES PAULISTAS


Através de uma campanha que dissimulou estar preocupada com o meio ambiente, a qual intitularam VAMOS TIRAR O PLANETA DO SUFOCO, diversas leis e infrações foram cometidas contra os consumidores paulistas!


João Galassi 
Presidente da APAS - Associação Paulista de Supermercados
Incentivador principal e garoto propagandista da campanha.

Bruno Covas
Deputado Estadual  licenciado e Secretário Estadual de Meio Ambiente de São Paulo. - Idealizador da campanha que convenceu o Governo do Estado a apoiar.

Orlando Morando
Deputado Estadual - Articulador, defensor e lobista tanto no Governo como junto a empresários no setor envolvido e na Assembléia Legislativa.

Geraldo Alckmin 
Governador do Estado de São Paulo - Apoiador, promoveu através de eventos pirotécnicos, gastos de recursos públicos, confecção de cartilhas, pressionou o Ministério Público paulista e o PROCON paulista a se omitirem e prevaricarem no cumprimento das leis e infrações cometidas na aplicação da campanha, VAMOS TIRAR O PLANETA DO SUFOCO contra o consumidor paulista.

sábado, 2 de junho de 2012

Para entender melhor CPI Cachoeira, Ministro Gilmar Mendes, Demóstenes, VEJA por Bob Fernandes

Para entender melhor CPI Cachoeira, Ministro Gilmar Mendes, Demóstenes, VEJA por Bob Fernandes




O Jornalista Bob Fernandes fala de forma clara sobre o emaranhado que
 envolve a CPI do Cachoeira, o Ministro Gilmar Mendes e VEJA
numa conversa duvidosa com o ex presidente Lula.

sábado, 5 de maio de 2012

VETA DILMA

VETA DILMA




ASSISTA AO VÍDEO E SABERÁ A VERDADE SOBRE O CÓDIGO FLORESTAL!

DELEGADO NO LIMITE DESABAFA! REFORMA DO JUDICIÁRIO JÁ!

DELEGADO REVOLTADO COM IMPUNIDADE! 

REFORMA DO JUDICIÁRIO JÁ




- Isto vem acontecendo em todas as delegacias do Brasil! 
- Em todos os Estados e na maioria dos Municípios!
- Policiais e outras vítimas já morreram na mão de delinquentes juvenis os quais em menos de 48 horas estão soltos de volta ao crime, sendo ferramentas do crime organizado, pelas mãos de Juízes incompetentes ou Medrosos!

- Que se mude o poder da detenção do menor para o conselheiro tutelar e o delegado de polícia, o parecer conjunto sobrepõe a vontade do juiz (Numa reforma no caso)!

- Pois Tanto os Delegados de Polícia e seus agentes como o Conselheiros Tutelares é que enfrentam os casos nos plantões no dia a dia!

segunda-feira, 2 de abril de 2012

DIA 03 DE ABRIL DE 2012 - O DIA QUE SÃO PAULO RASGOU A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA!

03 de abril de 2012
"O DIA QUE SÃO PAULO RASGOU A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA"

APAS LANÇA NOVA CAMPANHA 
 " VAMOS TIRAR O CONSUMIDOR DO SUFOCO"

COMPARTILHE ESSA IDÉIA!!









segunda-feira, 19 de março de 2012

FRAUDE NA SAÚDE PÚBLICA! AUDITORIA NAS LICITAÇÕES DA SAÚDE PÚBLICA NAS CIDADES COM MAIS DE 200 MIL HABITANTES JÁ!

A CORRUPÇÃO NA SAÚDE PÚBLICA!
ISSO ACONTECE NA MAIORIAS DOS HOSPITAIS DO PAIS

VAMOS LIMPAR NOSSO BRASIL!

EXIGIMOS AUDITORIAS NAS LICITAÇÕES DOS HOSPITAIS PÚBLICOS EM CIDADES COM MAIS DE 200 MIL HABITANTES PRA COMEÇAR!

Reportagem do Fantástico dia 18 de março de 2012




quinta-feira, 8 de março de 2012

Conar suspende campanha da APAS! Se não te derem sacolinhas PROCON NELES! É MULTA!

Reduzir, Reutilizar e Reciclar. Afinal, elas não andam sozinhas, né? Pratique! Dê o exemplo! O planeta agradece!

Conar suspende campanha da APAS que prega o banimento de sacolas plásticas

Quinta-feira, 8 de março de 2012

A campanha publicitária da Apas sobre as sacolas plásticas foi suspensa por unanimidade de votos, em reunião da 1ª Câmara, por estar fora dos  padrões legais da normatização do Conselho.




O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (CONAR) decidiu por unanimidade, na última quinta-feira, 1º de março, pela suspensão da campanha Vamos tirar o planeta do sufoco, veiculada em jornais, revistas, internet, outdoor e materiais promocionais e ações internas nos supermercados, com objetivo de mostrar as sacolas plásticas como vilãs do meio ambiente. A campanha é uma iniciativa da Associação paulista de Supermercados (Apas) e do Governo do Estado de São Paulo.

A campanha publicitária da Apas sobre as sacolinhas foi suspensa por unanimidade de votos, em reunião da 1ª Câmara, por estar fora dos padrões legais da normatização do Conselho, especialmente no aspecto que zela pela sustentabilidade, pelas questões socioambientais e pelo direito do consumidor.

A decisão está publicada no site da entidade: www.conar.org.br




OS ESTABELECIMENTOS QUE NÃO ENTREGAREM AS SACOLINHAS DE GRAÇA SERÃO MULTADOS!

OS CONSUMIDORES QUE SE SENTIREM PREJUDICADOS DEVEM PROCURAR O PROCON DE SUA CIDADE OU REGISTRAR A QUEIXA ELETRÔNICAMENTE ATRAVÉZ DO SITE: http://www.procon.sp.gov.br/atendimento.asp

Cidoc - Santos/SP orienta consumidores com relação às sacolas de supermercados

Os supermercados do Estado de São Paulo devem oferecer alternativas gratuitas para os consumidores transportarem as compras, segundo informou o Procon. O coordenador do Cidoc (Departamento de Informação, Defesa e Orientação ao Consumidor), Adelino Rodrigues, lembra que houve acordo neste sentido entre a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e a Apas (Associação Paulista de Supermercados).


As pessoas que não conseguirem as sacolas de graça em qualquer estabelecimento devem procurar o posto do Cidoc no Poupatempo (Rua João Pessoa, 246, Centro), de segunda a sexta, das 9h às 18h, e aos sábados, das 9h às 14h, com documento de identidade e, se possível, uma testemunha. Os supermercados poderão ser autuados e multados, diz Rodrigues. 


Para ele, a suspensão das antigas sacolinhas favoreceu os estabelecimentos comerciais. “Somos favoráveis à proteção ao meio ambiente, mas desde que não prejudique os consumidores”. 


Para Rodrigues, “a medida não vai resolver o problema, pois existem outras embalagens que poluem a natureza, como potes de margarina e sacos  plásticos de arroz”. O coordenador do Cidoc faz duas indagações: “O valor das sacolas retiradas de circulação, embutido nas mercadorias, será descontado? Os consumidores pagarão menos pelos produtos?

domingo, 26 de fevereiro de 2012

SIMPÓSIO SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS DE SANTOS - "CARTA DE SANTOS"

SIMPÓSIO SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS DE SANTOS
"CARTA DE SANTOS"



DESAPARECIDO, SECRETÁRIO MEIO AMBIENTE DE SP BRUNO COVAS DESDE 25/01/2012

DESAPARECIDO - (ALERTA)

(Secretário Estadual de Meio Ambiente e Deputado licenciado Bruno Covas)

Encontra-se desaparecido desde o dia 25 de janeiro de 2012, ( Data de inicio da Campanha "Vamos Tirar o Planeta do Sufoco") , promovido pela APAS – Associação Paulista de Supermercados, o Secretário Estadual de Meio Ambiente de São Paulo Sr. Bruno Covas.

Após a detecção por parte da população de que trata-se de um golpe contra o bolso, principalmente da dona de casa,  cujo único interesse de fato é o financeiro a favor dos supermercadistas, começou-se então a pipocar manifestações de repúdio, principalmente nas redes sociais, com forte reação contrária ao acordo entre o Governo de São Paulo e a APAS para o banimento das sacolas plásticas no Estado.

O acordo infringe a lei, contrariando os direitos do consumidor, e ainda tanto o Governo Paulista juntamente com a APAS estariam tentando se saírem como os salvadores do Planeta, só que mediante aos fatos, perceberam que "o tiro saiu pela culatra", deixando então, tanto o Governador Geraldo Alckmin quanto seu Secretário de Meio Ambiente Bruno Covas de saias justas perante o eleitorado, ainda mais num ano de eleições;

Logo em seguida a reação popular, o fenômeno de desaparecimento foi constatado em várias ocasiões, pois a mídia tem questionado apenas o presidente da APAS que tem aparecido por todos os cantos defendendo a campanha "Vamos tirar o Planeta do sufoco", que já esta conhecida pela população como "O GOLPE DAS SACOLINHAS".

Pelo que se percebe, a campanha foi abandonada pelo Governo do Estado, e pelo seu maior incentivador, Secretário Bruno Covas o qual ninguém nunca mais ouviu falar desde então!!

Caso você tenha alguma informação do paradeiro deste moço, entre em contato com a APAS, idealizadora da Campanha “Vamos Tirar o Planeta do Sufoco”, que ainda aguarda o que foi prometido quando da parceria, (Acordo), entre ambos, firmada em festa!!! 


NO INICIO TUDO PARECIA UMA LINDA FESTA!!

Acordo prevê o fim do uso das sacolinhas plásticas
(Não é lei, é apenas um acordo!)

O Secretário do Meio Ambiente, Bruno Covas, anunciou o convênio que será firmado com a Associação Paulista de Supermercados – APAS – que prevê o fim da distribuição das sacolinhas plásticas em supermercados e o estímulo para que as pessoas usem alternativas como a “Ecobag”. (COMO OS SUPERMERCADOS COMEÇARAM A IMPORTAR "ECO BAGS" DO VIETNÃ E DA CHINA, E ENTÃO SURGIU O VÍDEO "VERDE OTÁRIO' A COISA COMEÇOU A FICAR FEIA!)

“Não é uma lei e sim um convênio que queremos firmar. A ideia é que possamos atingir esse objetivo por meio de convênio e não através de lei. Ou seja, conversando com o setor, estabelecendo prazos. Queremos motivar o setor a adotar essa iniciativa, assim como vários municípios já fizeram, como, por exemplo, Belo Horizonte e Jundiaí (SP). São Paulo será o primeiro Estado a adotar esse procedimento”, afirmou Bruno Covas em entrevista à CBN.

Haverá um prazo de 180 dias a partir da assinatura do convênio para que as sacolinhas não estejam mais no mercado. Vão participar da extinção as redes filiadas a APAS e as demais que quiserem. Em contrapartida será estimulado o uso de sacolas retornáveis, as ecobags, reutilizáveis e caixas de papelão. (Estudo realizado pela Microbiotécnica, empresa especializada em higiene ambiental com 25 anos de experiência, apontou que as caixas de papelão usadas, disponibilizadas pelos supermercados, e as sacolas de pano, trazidas de casa pelo consumidor, possuem alto grau de contaminação podendo prejudicar a saúde da população.)

O papel da Secretaria é coordenar os trabalho, ajudar a estabelecer os termos do acordo e também conscientizar a população por meio de campanhas educativas. Sem deixar de ouvir os órgãos de defesa do consumidor para que a população seja beneficiada.                                             http://www.blogambiente.sp.gov.br/2011/04/26/acordo-preve-o-fim-do-uso-das-sacolinhas-plasticas/


O secretário do Meio Ambiente Bruno Covas e o governador Geraldo Alckmin(PSDB) assinaram, na segunda-feira, 9, durante o 27ª Congresso de Gestão e Feiras Internacional de Negócios em Supermercados um protocolo de intenções com a Associação Paulista de Supermercados (Apas) para retirar de circulação as sacolas plásticas derivadas de petróleo nos estabelecimentos do setor em todo o Estado de São Paulo.



Em vermelho, grifo meu!

DEU POLÍCIA NO CARREFOUR VEJA:

SACOLAS PLÁSTICAS VIRAM CASO DE POLICIA:

lO VERDE OTÁRIO:
O VERDE OTÁRIO PARTE II:
 DEIXE UM COMENTÁRIO
 EXPRESSE TUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO
REPASSE PARA TEUS AMIGOS
 COMPARTILHE ATRAVÉZ DOS LINKS ABAIXO NAS REDE





sábado, 25 de fevereiro de 2012

JORNALISTA ASSASSINADO E IMPRENSA NACIONAL IGNORA!!

JORNALISTAS ASSASSINADOS

MÍDIA BRASILEIRA CALADA

http://forumzn.blogspot.com
Nova York - As autoridades brasileiras devem conduzir uma rápida e completa investigação sobre o homicídio do jornalista Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, que foi morto a tiros na noite de sábado, declarou o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

Ele foi o segundo jornalista brasileiro assassinado em menos de uma semana.

O jornalista, mais conhecido como Paulo Rocaro, dirigia para sua casa por volta das 23h30 em Ponta Porã, cidade próxima à fronteira do país com o Paraguai, quando dois pistoleiros em uma motocicleta o atingiram ao menos cinco vezes, de acordo com reportagens.

Ele era editor-chefe do Jornal da Praça e diretor do site de notícias Mercosul News, e frequentemente escrevia sobre política, informou a imprensa. "Estamos entristecidos pela morte de Paulo Roberto Cardoso Rodrigues", disse Carlos Lauría,coordenador do programa das Américas do CPJ.



"Os assassinatos de dois jornalistas em tão curto espaço de tempo abateu a imprensa brasileira, e torna-se imperativo que as autoridades investiguem plenamente os crimes, determinem os motivos, e processem os responsáveis".




O correspondente Cándido Figueredo relatou no jornal paraguaio ABC Color que Rocaro era um severo crítico do prefeito local, e apoiava a campanha de um candidato de oposição.

O jornalista havia deixado uma reunião com o candidato quando foi morto, informou Figueredo. Policiais disseram a repórteres que uma das linhas sendo investigadas é a de um possível assassinato sob encomenda politicamente motivado, embora não tenham descartado outras hipóteses, informou a imprensa.

De acordo com a pesquisa do CPJ, a fronteira Brasil-Paraguai é particularmente perigosa para jornalistas. Figueredo, que trabalha no lado paraguaio da fronteira na cidade de Pedro Juan Caballero, recebeu inúmeras ameaças de morte na década passada, e as autoridades recentemente interceptaram um telefonema entre criminosos no Brasil que ameaçavam matá-lo, mostra a pesquisa do CPJ. 





Na quinta-feira, o corpo do jornalista brasileiro Mario Randolfo Marques Lopes foi encontrado na cidade de Barra do Piraí, no estado do Rio de Janeiro, apurou a pesquisa do CPJ, que documentou um aumento da violência letal no Brasil em 2011.





Dois jornalistas foram assassinados no país no ano passado em relação direta com a atividade profissional, e outros quatro foram mortos em circunstâncias ainda não esclarecidas, demonstra a pesquisa do CPJ.

REPERCUSSÃO INTERNACIONAL

Chefe da UNESCO lamenta assassinatos
 de outros dois jornalistas brasileiros


O chefe da agência das Nações Unidas encarregado dedefender a liberdade de imprensa condenou  os assassinatos dedois jornalistas brasileiros no início deste mês e pediuinvestigações aprofundadas dos crimes.

Irina Bokova, Diretora-Geral da Organização das Nações Unidaspara a Educação, a Ciência ea Cultura (UNESCO), divulgou um comunicado lamentando o assassinato de Paulo Roberto Cardoso Rodrigues em 12 de Fevereiro e Mario RandolfoMarques Lopes em 8 de Fevereiro.






"Essas mortes são um ataque intolerável a profissão de jornalismo e direito básico de um indivíduo humano à liberdade de expressão," Ms. Bokova disse, acrescentando que as investigações aprofundadas das mortes eram necessárias" para que os jornalistas possam continuar informação sem ter que temer por suas vidas e para a segurança de seus familiares. "
Ms. Bukova em visita à Presidenta do Brasil Dilma Housef
Pelo menos 11 jornalistas ou profissionais de mídia foram assassinados no Brasil desde 2002, e um projeto de pesquisa apoiado pela UNESCO, está atualmente a estudar os problemas que enfrentam os meios de comunicação que operam em áreas violentas ou difícil no Rio de Janeiro.

Relatório divulgado pela Federação Internacional dos Jornalistas em 2011, 106 trabalhadores de comunicação (seis brasileiros) foram assassinados e em 2010 foram 94 vítimas.


quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

CARNAVAL 2012 EM SÃO VICENTE TERMINA EM TIROTEIO E BOMBA DE GÁS!

CARNAVAL 2012 EM SÃO VICENTE TERMINA EM
TIROTEIO E BOMBA DE GÁS!

Ao final do desfile do bloco Carnavalesco "Algo Mais", certamente algo mais aconteceu além da diversão e alegria dos foliões!

(Internet)
Veja as cenas violentas, onde jovens foliões, com linguajar vulgar e palavrões, se divertem com a ação da Polícia Militar, que precisou usar de tiros de borracha e bombas de gás, para dispersar a multidão, dentre a qual um grupo promovia arruaças e danos aos veículos estacionados por  onde passavam e ainda maltratavam as pessoas que  também acompanhavam o bloco ou estavam nas calçadas assistindo 

 DEIXE UM COMENTÁRIO
 EXPRESSE TUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO
REPASSE PARA TEUS AMIGOS
 COMPARTILHE ATRAVÉZ DOS LINKS ABAIXO NAS REDES SOCIAIS
TODOS PRECISAM DESTAS INFORMAÇÕES

sábado, 18 de fevereiro de 2012

CENTRO DE HEMODIÁLISE EM SÃO VICENTE PÕE EM RISCO A VIDA DE CERCA DE 120 PACIENTES

CLINICA DE HEMODIÁLISE EM SÃO VICENTE COLOCA EM RISCO A VIDA DE 
CERCA DE 120 PACIENTES ATENDIDOS AO MÊS!

Segundo alguns pacientes, após meses de reclamações, somente depois da denuncia
direção da clínica começa a trocar as cadeiras e as máquinas de hemodiálise! 

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

EU REPUDÍO O GOLPE DAS SACOLINHAS PROMOVIDO PELA APAS COM APOIO DO GOVERNO DE SÃO PAULO!

- UNIDOS SOMOS FORTES! ...COMPARTILHE,  ESSA LUTA É PELO DIREITO DE TODOS!


- TODOS PRECISAM SABER A VERDADE!


TAMBÉM DEFENDEMOS A REDUÇÃO E O CONSUMO CONSCIENTE DO PLÁSTICO! MAS SEM ONERAR MEU BOLSO, SEM CAUSAR DESEMPREGO, SEM AFETAR O ORÇAMENTO DAS FAMÍLIAS MAIS POBRES! E SEM MENTIRAS!


1º Toda produção de plástico reciclável ou não gera poluição e com o fim das sacolinhas aumentará o consumo de sacos de lixo e conseqüentemente sua maior produção mantendo então as mesmas quantidades de matéria plástica a ser jogada no ambiente;



2º Sacolas “biodegradáveis” necessitam de ambiente específico para sua degradação e no Brasil não existe usina de compostagem com a tecnologia necessária para que isso aconteça;


3º A família brasileira usa as sacolinhas dos supermercados como saco de lixo entre outras reutilizações; com a proibição das sacolinhas terá que comprar sacos de lixo, mantendo o mesmo volume de plástico jogado na natureza; cada saco de lixo equivale em material plástico a 40 sacolinhas;


4º A produção de sacos plásticos aumentará devido a demanda independente de serem reciclados ou não aumentará a poluição em sua produção;



5º As coletas seletivas ainda são extremamente deficientes no Brasil com raríssimas exceções;



6º Os supermercados estão cobrando duplamente as sacolinhas, antes estava embutido no custo operacional e agora o consumidor está sendo condicionado a obrigatoriedade de comprar as tais sacolinhas e isso fere o código do consumidor; 



7º Vender sacolas com a inscrição “Biodegradável’ induz o consumidor de que aquele produto será degradado corretamente e como isso só ocorre em ambiente específico, ou seja, em usinas de compostagem com tecnologias próprias e como no Brasil não existem tais usinas e muito menos a tecnologia, e ai talves podem estar cometendo infração penal, possivelmente ESTELIONATO, ferindo o código penal brasileiro;



8º Com o fim da entrega das sacolinhas sem cobrança, “vender pode”, os supermercados irão arrecadar com a venda delas e dos sacos de lixo cerca de MEIO BILHÃO DE REAIS só no Estado de São Paulo, se de fato estivessem preocupados com o meio ambiente teriam alternativas que não afetassem o bolso do consumidor;



9º Alegar que os supermercados irão investir em ações de proteção ao meio ambiente os valores que continuam lá, embutidos, das sacolinhas que eram entregues e agora não estão mais e sim sendo vendidas é acreditar na carochinha.



10º Estudo realizado pela Macrobiotécnica, empresa especializada em higiene ambiental com 25 anos de experiência, apontou que as caixas de papelão usadas, oferecidas pelos supermercados como “alternativa” e as sacolas de pano sugeridas pela campanha, trazidas de casa pelo consumidor, possuem alto grau de contaminação podendo prejudicar a saúde da população.



11º Se quisessem cuidar do meio ambiente distribuiriam as sacolas biodegradável da mesma forma como eram distribuídas, montariam em seus estacionamentos centro de logistica reversa para todos os produtos que vendem e que degradam o ambiente, custeariam uma campanha educativa de reciclagem e aí sim estariam preocupados de fato com o meio ambiente! Porque não fazem? 
Agora, golpe da sacolinha não!!!!!!!

Sacolas Plásticas, o TAC com o MP é uma Ficção, 
onde está o valor de R$ 0,59 centavos

A Foto desta matéria mostra as sacolas retornáveis dentro do Hipermercado extra, o valor é de R$ 1,99, ate aí tudo bem, o estabelecimento está ali mesmo para vender tudo que é licito e permitido, se não fosse por um detalhe, o Ministério Publico do Estado de São Paulo determinou em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que a sacola vendida nos Supermercados não poderia passar de R$ 0,59 centavos este mesmo termo determinou uma multa de R$ 25000,00 para quem descumprisse esta determinação, mas afinal de contas o que aconteceu?

Passa-se a impressão que os donos dos Supermercados mancomunados com a APAS, usaram o papel que lavrou o termo no Banheiro.


Um Grupo de Promotores com uma Idéia que a principio era a melhor, principalmente quando estava nascendo no seio de quem tem o condão de defender a Sociedade, a Imprensa fez um barulho danado, nos encarregamos de ler o TAC e percebemos que estava tudo errado, o que aconteceu depois foi bem pior. Uma Inércia se instalou no núcleo da questão, as Pessoas acreditando que já que o MP e o Procon fizeram um acordo os Supermercados teriam que cumprir.

Mas o que aconteceu com as sacolas de 0,59 centavos, elas nunca existiram o que existe é a sacola de R$ 2,90 deste preço para cima.

Mas o Ministério Publico se enganou?

Ou já sabia que iria ser assim e que o TAC não passa de uma ficção, será que os promotores não vão aos supermercados para descobrirem que nada mudou e que tudo que eles fizeram para obrigar os estabelecimentos a respeitar os Consumidores, não foi cumprido e a Multa de R$ 25,000,00 não passa de um engodo ou será que alguém precisa denunciar o descaso que estão cometendo para que eles possam agir. 
Dpto. Comunicação/Idecon




SACOLAS PLÁSTICAS VIRAM CASO DE POLICIA:



O VERDE OTÁRIO:



O VERDE OTÁRIO PARTE II:



Clica aqui e assine o abaixo assinado, tua participação é importante!




DEU POLÍCIA NO CARREFOUR VEJA:

SACOLAS PLÁSTICAS VIRAM CASO DE POLICIA:

lO VERDE OTÁRIO:
O VERDE OTÁRIO PARTE II:
 DEIXE UM COMENTÁRIO
 EXPRESSE TUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO
REPASSE PARA TEUS AMIGOS
 COMPARTILHE ATRAVÉZ DOS LINKS ABAIXO NAS REDES SOCIAIS
TODOS PRECISAM DESTAS INFORMAÇÕES

domingo, 12 de fevereiro de 2012

INSTITUTO DE DEFESA DO CONSUMIDOR ENTRA NA JUSTIÇA CONTRA O GOLPE DAS SACOLINHAS

Idecon Ingressa com ACP e Pedido de Liminar contra APAS e Governo Estadual


Não podemos só ficar no Discurso com Brincadeirinha no Parque Infantil, precisamos agir contra aqueles que querem Prejudicar os Consumidores e o Povo de São Paulo.


A Direção do Idecon representada pelo seu Presidente Dr. Reginaldo Sena e o seu Departamento Jurídico protocolaram nesta tarde uma Ação Civil Publica com Pedido de Liminar para suspender a Mentira e a Falácia da APAS e do Governo do Estado de São Paulo. É Falácia, pois, ninguém é Obrigado a fazer ou deixar de fazer algo se não for baseado em Lei.


O Termo de Cooperação assinado contra o Povo de São Paulo engendrado nos arcabouços de interesses escusos pela APAS e o Governo do Estado não pode prevalecer, não podemos ser Obrigados a contrair Doenças e prejudicar ainda mais o meio ambiente por interesses nada Nobres.

A ausência de embalagens para o Transporte do que compramos nos supermercados é Ilegal, temos Direito a Embalagem, não podemos levar Carne no carrinho de feira ou em caixa de papelão e também não podemos pagar por sacolas se o estabelecimento tem a obrigação de fornecer.

Não defendemos interesses de Grupos e sim dos Consumidores independentemente da sua condição Social. O Regime democrático exige que para mudar alguma coisa tem que passar pelas Casas de Leis, ou seja, Congresso Nacional, Assembléias Legislativas e as Câmaras Municipais respeitando as suas Competências Legislativas. Estamos sendo vitimas de um Passa Moleque e não vamos aceitar isto e se for preciso começaremos por Guarulhos manifestações e graças a APAS está nascendo os Movimentos Sociais e de Pressão Social dos Consumidores.

O Governo do Estado de São Paulo que tem o Dever de Proteger o Consumidor jogou a Lei na Lata do Lixo e desrespeita e afronta o principio da Hipossuficiência na Relação de Consumo Lei 8078/90 Código de Defesa do Consumidor
.
Dpto. Comunicação/Idecon

Fonte: http://www.ideconbrasil.org.br/noticias_urgentes.php?id=113


DEU POLÍCIA NO CARREFOUR VEJA:

SACOLAS PLÁSTICAS VIRAM CASO DE POLICIA:

lO VERDE OTÁRIO:

O VERDE OTÁRIO PARTE II:
 DEIXE UM COMENTÁRIO
 EXPRESSE TUA OPINIÃO SOBRE O ASSUNTO
REPASSE PARA TEUS AMIGOS
 COMPARTILHE ATRAVÉZ DOS LINKS ABAIXO NAS REDES SOCIAIS
TODOS PRECISAM DESTAS INFORMAÇÕES